.

XII edição dos Encontros Cinematográficos no Fundão

Irá realizar-se, de 11 a 15 de maio de 2022, n’ A Moagem – Cidade do Engenho e das Artes, no Fundão, a XII edição do seminário internacional dos Encontros Cinematográficos, que promove a reunião de vários participantes e cineastas de diferentes gerações e geografias com a comunidade.

Esta iniciativa tem vindo a consolidar-se nacional e internacionalmente e nesta edição apresenta uma retrospectiva do realizador norte americano Sam Peckinpah e o ciclo “Guerra e Paz”.

Destaque para a estreia de “O Fim-de-Semana de Osterman – Director’s Cut#, no dia 11 de maio, às 21h30, o último filme do realizador de “A Quadrilha Selvagem”, tal e qual o montou às escondidas dos produtores e finalmente revelado ao fim de quase 40 anos. Acrescentam-se as estreias dos documentários “Passion & Poetry: The Ballad of Sam Peckinpah” e “Sam’s final cut”, do realizador e historiador Mike Siegel, que tem dedicado grande parte da sua vida ao legado de Sam Peckinpah e que estará presente no Fundão para acompanhar esta retrospectiva. Na sexta-feira, dia 13 de maio, haverá um concerto de celebração da vida e obra de Peckinpah, com a participação de vários músicos, “La Golondrina e a Quadrilha Selvagem”, no Moto Clube Os Trinca-Cereja, na rua da Cale, a partir das 23h00.

Ainda no dia 13 de maio, às 21h30, será lançado o livro “Vaivém”, de Helena Almeida, na Biblioteca Municipal Eugénio de Andrade.

Relativamente ao ciclo “Guerra e Paz”, irá realizar-se a inauguração da exposição coletiva “Templo de Amor em Tempos de Guerra”, no dia 15 de maio, domingo, às 11h00, na Casa Vermelha, na rua da Cale, com trabalhos de artistas ucranianos e portugueses unidos na mesma luta e esperança: Alina Rubel, Anna Kramar, Casca, Gabriel AV, Halyna Katiukha, Ivan Romanenko, Pedro Leitão, Polina Krykunova, Rosa Martins, Vira Krykunova, Yulia Diadiura e Zina. Durante a tarde, n’ A Moagem, irão continuar as projeções de filmes, nomeadamente “Cross of Iron – A Grande Batalha” (15h00), de Peckinpah; “Paz” (18h00), dos fundanenses Marta Ramos e José Oliveira; e “Três Camaradas” (21h30), de Frank Borzage, com a apresentação do grande escritor espanhol Miguel Marías.

A organização deste evento é da Associação ARS e do Município do Fundão, com a colaboração da Cinemateca Portuguesa – Museu do Cinema, do Cineclube Gardunha, do Cineclube da Guarda, do Jornal do Fundão e do Canto Redondo.

A entrada é livre para todas as sessões e encontros, recomendando-se a marcação prévia através do e-mail bilheteira.cultura.cmfundao@gmail.com. Mais informações em http://www.luzlinar.org/encontroscinematograficos/2022/04/05/encontros-cinematograficos-xii-edicao/.

Imprimir

Contactos


Praça do Município
6230-338 Fundão
Portugal

T. (+351) 275 779 060
F. (+351) 275 779 079
E. geral@cm-fundao.pt

O Município nas redes sociais